RioContentMarket 2015 – CCI Entertainment – Arnie Zipursky – Fevereiro/2015

DSC_0044x

Os poucos espaços de tempo que os representantes da Moinhos de Vento Filmes tiveram sem reuniões no RioContentMarket 2015 foram aproveitados para participar de painéis realizados durante o evento.

A Moinhos participou do painel de produtores e representantes do mercado audiovisual e governo canadense, onde foram apresentados os guidelines e os modelos de coprodução internacional do país.

Nos últimos anos o Canadá se transformou no maior parceiro de coprodução audiovisual tendo acordo de coprodução com o Brasil, possibilitando o acesso de diversos mecanismos de incentivos fiscais em ambos os países.

Em sua apresentação, Arnie Zipursky, co-fundador e produtor executivo da CCI Entertainment relatou sobre as recentes parcerias de sucesso realizadas por sua empresa com produtores brasileiros, e de sua intenção de intensificar estas parcerias para 2015.

Os modelos de coprodução internacional da França, África do Sul, Canadá e Reino Unido foram temas de painéis do evento, que aconteceu de 25 a 27 de fevereiro, no Rio de Janeiro.

Produtores e representantes do mercado audiovisual francês, sul-africano, canadense e inglês apresentaram os guidelines e os modelos de coprodução internacional de seus países em painéis do RioContentMarket 2015, o maior evento de produção de conteúdo audiovisual da América Latina aberto à indústria de televisão e mídias digitais.

Os acordos de coprodução internacional destes países também foram expostos pelos palestrantes durante os painéis, que aconteceram no dia 26 de fevereiro. Arnie Zipursky, co-fundador e produtor executivo da CCI Entertainment; Jonathan Barker, presidente da SK Films e Stephane Cardin, vice-presidente de indústria e assuntos públicos do Canada Media Found (CMF) estão entre os participantes do painel.

O case “The Palm Effect”, uma coprodução da produtora brasileira Grifa Filmes com a CCI Entertainment, foi apresentado para exemplificar os modelos de coprodução internacional com o Canadá. Durante um encontro na última edição do RioContentMarket, o projeto foi apresentado para a produtora brasileira, responsável por metade do projeto, que tem uma parte filmada no Brasil, um dos poucos lugares com fazendas de palmas no mundo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *